Leitura da Semana

Acesse mais leituras e mensagens de D. John Main e D. Laurence Freeman:

Reflexões da Quaresma

Durante toda a Quaresma, Dom Laurence envia suas reflexões diárias para a Comunidade.
Quaresma 2017 >
Quaresma 2016 >
Quaresma 2015 >
Quaresma 2014 >
Quaresma 2013 >

Encontre um Grupo de Meditacao Crista

Reflexões da Quaresma

Sábado da Quarta Semana da Quaresma

D. Laurence Freeman

Dá até para apostar que a qualquer hora que liguemos a televisão para ver as notícias veremos atrocidades, tragédias, um acidente horrível ou um crime que reflete a pior mutação da natureza humana. A Irlanda, eu noto, é particularmente afeiçoada ao noticiário diário sobre acidentes de carros e assassinatos. Essas coisas acontecem e não deveríamos negá-las. Mas se somos expostos a elas tão desproporcionalmente na mídia deve ser, ou porque a mídia está tentando nos colocar em depressão, ou porque de alguma forma nós nos satisfazemos ou nos estimulamos ao escutá-las. As pequenas informações de boas notícias que nos são lançadas no final da transmissão apenas destacam a melancolia generalizada da existência nesse planeta.

Leia mais...

Sexta-feira da Quarta Semana da Quaresma

D. Laurence Freeman

Dias atrás, em Westminster, Londres, um homem nascido na Grã-Bretanha, na casa dos 50 anos, com um longo histórico de violência criminal e instabilidade, matou impiedosamente quatro pessoas no que foi chamado de “um outro ataque terrorista”. Ver alguém infringir um sofrimento selvagem e sem sentido a pessoas inocentes é de cortar o coração. Esses atos desaparecem das primeiras páginas, aumentam as barreiras de segurança e a doença do medo piora. Mas o luto pessoal de familiares e amigos dos que foram mortos ou feridos por essa expressão tão impessoal de ódio dura a vida toda.

Leia mais...

Quinta-feira da Quarta Semana da Quaresma

D. Laurence Freeman

Aqui, assim espero, está a conexão da reflexão de ontem com a Quaresma.

Recentemente, eu estava  meditando com um grupo de médicos e enfermeiros que trabalham em um ramo muito estressante da medicina pública. Eles são um grupo de indivíduos extraordinariamente generosos e compassivos, que formam uma equipe com um companheirismo  profissional fortemente solidário. Eles também verdadeiramente querem meditar. Eles expressam sua motivação de maneira diferente, mas isso, não é de surpreender, pois está relacionado com os perigos inerentes ao seu trabalho. Perigos como o burnout (colapso interno, mantendo as aparências na superfície), ou mesmo várias formas de auto-mutilação, ou perder o equilíbrio dos aspectos pessoais e profissionais de suas vidas, ou as consequências físicas e psicológicas de um estresse não controlado.

Leia mais...

Quarta-feira da Quarta Semana da Quaresma

D. Laurence Freeman

John Main considerava que subestimar toda a maravilha da própria fé e do próprio potencial é o persistente pecado dos cristãos. É inacreditável. Trata-se de uma fé que apresenta, para a expansão da mente, grandes perspectivas quanto à infinita capacidade da natureza humana, e quanto ao relacionamento que há entre Deus, a natureza e todo o espectro humano de ternura, alegria e sofrimento. No entanto, na antiga Cristandade do Ocidente, em larga escala, é hoje considerada enfadonha, socialmente conservadora, moralista e, preocupada demais, senão obcecada, com a sexualidade genital. Em outros campos, ela é fundamentalista de mau gosto, indelicada para com outras formas de fé, exclusiva e tão restrita intelectualmente quanto a Casa Branca. O que deu errado? E mais, poderá ser corrigida de modo a promover sua medida de esperança e de energia criativa em nossa crise moderna?

Leia mais...

Terça-feira da Quarta Semana da Quaresma

D. Laurence Freeman

Mark Rothko tornou-se o grande representante das cores puras no período final de sua vida. Várias de suas enormes telas formam a Capela Rothko em Houston (perto do local onde será realizado o Seminário John Main em Agosto).  Elas não estão na capela. Elas são a capela e não há nenhuma outra obra ou sinal no espaço circular com exceção destas 14 telas de tonalidade escura. A experiência da presença é vasta e pessoal e quase opressiva, pelo menos até que você ceda a ela.

Leia mais...